Não existe feriado ou festa que seja mais a cara do Brasil do que o Carnaval, não é mesmo? A animação, o samba, as fantasias, os desfiles e os bloquinhos fazem parte da nossa cultura e sempre animam os inícios dos nossos anos. Porém, apesar de toda essa celebração, as festas também trazem consigo um grande alerta: a grande quantidade de lixo que elas podem gerar.Segundo dados divulgados pelo G1, durante o pré-carnaval (23 e 24 de fevereiro) e o Carnaval (de 2 a 5 de março) de 2019, a cidade de São Paulo produziu 649 toneladas de lixo. Chocante, não é mesmo? E isso que estamos apenas levando em consideração uma cidade. Esses números são ainda mais alarmantes quando os estendemos para o Rio de Janeiro, Salvador e demais cidades conhecidas por serem as grandes “sedes” das festas.

Para você que quer aproveitar a folia sem abrir mão do cuidado com o meio ambiente, o Assaí Atacadista separou algumas dicas para a festa que está se aproximando. Confira e aproveite para compartilhar com seus(uas) amigos(as) que vão curtir o Carnaval com você!

1. Escolha bem a sua fantasia

Que tal criar a sua própria fantasia utilizando acessórios e peças de roupa que você já tem em casa? Ou, quem sabe, pegar emprestado de algum(a) amigo(a)? Tudo bem, sabemos que é natural a vontade de adquirir novos itens para garantir uma fantasia única. Então, se for esse o seu caso, busque acessórios e roupas que você também poderá utilizar durante o ano, evitando comprar itens “descartáveis” e que virarão lixo após a festa.

2. Preste atenção na sua maquiagem

Além da fantasia, a maquiagem também faz parte da comemoração do Carnaval, não é mesmo? Então fique atento: o glitter tradicional é feito de plástico, o maior poluente do oceano. O glitter é classificado como um “microplástico” e, além de poluir o oceano, ele também possui outros químicos em sua composição e pode facilmente ser ingerido pelos animais, prejudicando-os. 

Por isso, uma dica que nós damos é investir nos “bioglitters”. Eles são semelhantes ao glitter tradicional, porém, são feitos com materiais que não agridem a natureza nem a pele. Inclusive, você pode até criar o seu biogliter! Basta fazer uma mistura com gelatina incolor, pó de mica e corante natural.

3. Evite geração de lixo desnecessária

“Adote” um copo reutilizável e use-o durante toda a folia. Aproveite para amarrar uma cordinha em volta dele e pendurá-lo no pescoço. Assim, você não o perderá e, ainda, poderá dançar à vontade. Pense na quantidade de copos plásticos que serão “poupados” se cada um adotar essa prática! Além do copo reutilizável, evite o uso de canudinhos plásticos e demais embalagens que possam virar lixo em poucos minutos.

4. Não jogue lixo no chão!

Por último, mas não menos importante, lembre-se que lugar de lixo é no lixo! Faça a sua parte e garanta que quem esteja contigo também siga essas atitudes. Se cada um fizer a sua parte, teremos todos um Carnaval mais limpo, consciente e seguro.