Afro em Movimento promove capacitação para empreendedores negros
Cultura

Afro em Movimento promove capacitação para empreendedores negros

Afro em Movimento promove capacitação para empreendedores negros

O Projeto Afro em Movimento, realizado pelo Beco da Coruja Produções e Instituto Janelas da Arte, vai promover o Laboratório Afro com formação e qualificação para empreendedores negros. Ao todo serão ofertados 11 cursos, totalizando 144 horas/aula, nas áreas de empreendedorismo afro, design criativo e direção de arte, marketing digital, impactos sociais, canvas, roteiro e edição de vídeo, fotografia, letramento digital, negócios digitais, podcast e educação financeira.

Também haverá espaço para palestras, lives, painéis, feira de empreendedorismo afro e apresentações artísticas, afim de não somente combater o racismo, mas desenvolver mais e mais uma consciência antirrascista em nossa sociedade. Todas as atividades são gratuitas e as vagas para as capacitações são limitadas.

“O projeto é aberto ao público do DF, em especial as pessoas em vulnerabilidade social, com todas as atividades gratuitas, para assim democratizar o acesso à formação, qualificação e conhecimento, além de fomentar as discussões acerca das desigualdades raciais e criar oportunidade de negócios e inserção dos negros no mercado de trabalho”, explica Lorena Oliveira, diretora do Instituto Janela das Artes.

A partir de março, será realizada uma série de lives com os professores do Laboratório Afro. Nos bate-papos, moderados pelo coordenador pedagógico Leandro de Carvalho, cada instrutor dará detalhes sobre sua formação e a temática a ser desenvolvida, bem como informações gerais sobre as inscrições. As lives serão realizadas no instagram do projeto @afroemmovimentodf, sempre às 20h.

O primeiro encontro virtual será dia 15 de março com Wemmia Anita, sócia-fundadora do RAIX, marca de vestuário que busca valorizar a cultura periférica do DF. O bate-papo traz como tema “(Re) comece empreendendo!”. Já no dia 17 de março, Denys Carvalho aborda a temática “Tecnologias e Resistências” As lives seguem até o dia 26 de abril. Confira a programação completa e os detalhes de cada bate-papo virtual nas redes sociais do Afro em Movimento.

Os cursos serão presenciais e o primeiro módulo, Empreendedorismo Afro, terá início no dia 4 de abril. Mais informações em www.afroemmovimento.com.br

O projeto Afro em Movimento tem realização e produção do Beco da Coruja Produções (@becodacoruja) e Instituto Janelas da Arte, Cidadania e Sustentabilidade (@institutojanelasdaarte), e fomento da Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal( @sejus_df).

Temas da Lives

15/3- Empreendedorismo Afro17/3 – Letramento Digital22/3 – Fotografia24/3 – Educação Financeira29/3 – Design Criativo31/3 – Canvas5/4 – Roteiro e Vídeo7/4 – Marketing Digital12/4 – Impacto Social19/4 – Negócios Digitais26/4 – Podcast

Afro em Movimento

Lives para inscrição em cursos de capacitação para empreendedores negrosDe 15 de março a 26 de abril. Lives às 20h, no Instagram @afroemmovimentodfAulas presenciais com início em abril.Informações sobre o projeto em www.afroemmovimento.com.br

A jornalista Isabel Almeida, trabalha atualmente na Embrapa, é editora do site bsbflash, youtuber do canal Flash Brasília e colunista do jornal Alô Brasília. Natural de Brasília, já trabalhou em diversos órgãos do DF, como na Secretaria de Educação; na Administração Regional do Gama; na Secretaria de Saúde, na Câmara Distrital, e também em GO, na prefeitura de Valparaíso, na gestão de José Valdécio. Atuou também no Conselho Federal de Engenharia e Agronomia- Confea, foi editora da revista Fala Prefeito; e colunista da revista AC/DF e colunista do site AIB News do Rio de Janeiro. Desde 2010 é vice-presidente da Câmara de Comércio Brasil e Portugal, e em 2016, foi nomeada presidente do Conselho comunitário do Octogonal e Sudoeste.