Bsb Flash

Empreendedorismo feminino: Seminário Mulheres Antenadas na Era “Figital” incentiva novos negócios e discute os desafios capacitação

O evento no formato “Figital” (uma combinação entre os ambientes físico e digital) é gratuito, terá atividades durante todo o mês de fevereiro que serão transmitidas pelo YouTube 

Apesar das dificuldades, as mulheres seguem firmes na jornada do empreendedorismo e na busca de se adaptarem às novas realidades e à competitividade do mercado empresarial. Para se ter uma ideia, o último relatório do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), mostra que em 2018 as mulheres eram responsáveis por 36% do total de empreendimentos no Distrito Federal. Ao todo, eram 121 mil donas de negócios e cerca de 102 mil trabalhavam por conta própria.

Pensando nesse universo e na necessidade de promover ações que possam ajudar o empreendedorismo feminino através da capacitação, aperfeiçoamento e contribuição com o seu desenvolvimento profissional, a BPW Brasília-DF (Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais de Brasília-DF) co-realizará, juntamente com o Instituto Idheas Brasil (Instituto de Desenvolvimento Humano, Empreendedorismo, Inovação e Assistência Social); e com o apoio da SETUR-DF (Secretaria de Turismo do Distrito Federal); e do Sindivarejista-DF (Sindicato do Comércio Varejista), o Seminário Mulheres Antenadas na Era “Figital’’: Novas Tecnologias, Empoderamento e Inclusão Social e Digital.

Norteado por pilares que envolvem turismo, moda, empreendedorismo e empoderamento feminino, o projeto, que vai de 02 a 26 de fevereiro, contará com palestras, oficinas, mesas redondas e desfiles, e acontecerá no Restaurante Mayer Sabores do Brasil, localizado na SCLS 116 – Bloco B. Tudo incorporado à nova realidade, respeitando todos os protocolos de distanciamento e enfrentamento à COVID – 19. O ciclo de palestras, as rodas de conversa e a entrega do troféu Stela Prata  serão transmitidos ao vivo através do canal do YouTube https://www.youtube.com/channel/UCFdCmKZ52d_ZEpKlKr6w-Zg, e ficarão gravadas neste mesmo canal para quem desejar assistir posteriormente.

O evento também vai proporcionar emprego e geração de renda para fornecedores e prestadores de serviço envolvidos. Serão cerca de 200 postos de trabalho e reunirá instituições de peso e profissionais experientes que abraçaram a ideia com representantes participando de todas as atividades propostas. Além de parlamentares já confirmadas como a Deputada Distrital Júlia Lucy, cabe destacar a presença de representantes das seguintes instituições: Secretarias do Governo Federal e do Distrito Federal (como Turismo, Mulher, Saúde, Cultura, Pessoa com Deficiência, Segurança), SNPM (Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos), Secretaria Nacional da Juventude, Sebrae-DF e Nacional, Organização Internacional do Trabalho, Banco Mundial, Unesco, Rede Internacional de Excelência Jurídica; representantes de empresários locais, como Ferragens Pinheiro, Grupo Perboni, Grupo Exame, Brasília Trends Fashion Week, Capital Moto Week; de associações que representam as artesãs e pessoas com deficiência; e muito mais.

“Mesmo diante a esse cenário de pandemia, não podemos parar. É importante incentivar a mulher de negócios e profissional a ter consciência da necessidade de se aprimorar, para melhor gerir sua vida e contribuir para o aperfeiçoamento da carreira das jovens empreendedoras. A independência financeira é uma forte aliada da mulher, pois lhe dará força para sair da violência e das garras do agressor. Daí a necessidade da capacitação e do conhecimento. Este seminário visa orientar as mulheres na busca do seu desenvolvimento profissional, além da importância em fomentar a eliminação de toda e qualquer forma de discriminação e de violência em qualquer esfera da comunidade. Mostrar que é possível construirmos um mundo digno de se viver, se trabalharmos juntos e em perfeita consonância com os interesses do poder público e a integração harmoniosa com a iniciativa privada, com os organismos internacionais, e com as demais Associações e Organizações não Governamentais”, explica Bernardeth Martins, Presidente da BPW Brasília-DF.

 

O evento será realizado em seis etapas, divididas em:

 

  • Oficinas para jovens – Fase I (todos os sábados, de janeiro a fevereiro):

 

A capacitação tanto profissional como pessoal para jovens é de fundamental importância, pois é capaz de incluí-las, de forma saudável, no mercado de trabalho. Além disso, por meio da qualificação, a jovem também tem a chance de melhorar como pessoa. Foram selecionadas 15 meninas (com 15 anos de idade) da Região Administrativa de Santa Maria, que tinham como sonho ter uma festa de debutante. O projeto visa a capacitação dessas 15 jovens que estão participando de cursos sobre vários temas, e, finalizará com uma festa de debutante para elas, ainda sem data, por causa da pandemia.

 

  • Oficina Artesanato e Inclusão Digital (de 2 a 5 de fevereiro):

 

O DF possui cerca de 12.969 artesãos, segundo o Sistema de Informações Cadastrais do Artesanato. Dessas, 87% são mulheres e destas 70% têm mais de 40 anos de idade. Com a pandemia, criou-se a necessidade de que elas passem a incorporar o seu trabalho ao ambiente digital, mas muitas ainda têm dificuldades. Diante a essa nova realidade, a Escola de Moda Fashion Campus vai qualificar 30 artesãs do Distrito Federal. Cada artesã aprenderá a entrar no comércio eletrônico, a divulgar e a vender a sua produção. É de suma importância que a artesã saiba utilizar as plataformas acessíveis e adequadas ao pequeno produtor, pois somente assim, desmistificaremos a dificuldade que ela tem em usar as ferramentas digitais.

As oficinas serão realizadas de forma semipresencial, com atividades presencial e online, com todos os procedimentos e orientações recomendadas, obedecendo a norma sanitária de distanciamento social.

 

  • Ciclo de palestras sobre a importância do turismo e do artesanato para a economia local (de 8 a 12 de fevereiro de 2021):

 

Serão 30 palestras que acontecerão em 5 dias, nas quais diversos profissionais irão falar sobre as suas experiências, trazendo exemplos de sucesso e abordando temas sobre o turismo, oportunidades de negócios, direitos do consumidor, planejamento e muito mais.

  • Vitrine Viva do artesanato de Brasília e desfiles com o tema: “A Produção Associada ao Turismo, a Sustentabilidade do Turismo de Base Comunitária, a Indústria da Moda Autoral e Inclusiva do DF”. (22 de fevereiro no restaurante Mayer Sabores do Brasil):

Desfile 1 – A marca brasiliense Cirandinha vai trazer para a passarela o desfile inclusivo, unindo crianças com deficiência e com síndrome de down, mostrando, uma vez mais, que é possível vivermos em um mundo inclusivo; e

Desfile 2 – Dez influencers digitais da capital federal vão transformar esse momento em uma Vitrine Viva do Artesanato de Brasília desfilando 20 looks produzidos pelas artesãs de todo DF. A intenção é mostrar que a moda pode utilizar o artesanato para inovar e se diferenciar, seja através da renda, do bordado, do crochê e/ou de outros trabalhos manuais.

 

  • Rodas de conversa abrangendo diversos temas importantes sobre o turismo e a economia criativa: (de 23 a 25 de fevereiro no restaurante Mayer Sabores do Brasil):

 

Três dias com 16 rodas de conversa com especialistas locais e temas sobre o empreendedorismo jovem; a importância da indústria da moda no DF; a importância do artesanato na economia; a arte enquanto atrativo turístico cultural; medicina da saúde; o viajante e a COVID19, entre outros.

 

  • Entrega do Troféu Stela Prata: (dia 26 de fevereiro)

 

Este é o troféu que a BPW Brasília-DF entrega a personalidades do Distrito Federal que fizeram e fazem a diferença na nossa capital. Este ano, 20 pessoas serão homenageadas e receberão o troféu que está sendo feito pela artista plástica e mosaicista do DF, Cida Carvalho.

 

Serviço Seminário Mulheres Antenadas na Era Digital: Novas Tecnologias, Empoderamento e Inclusão Social e Digital. 

Data: de 02 a 25 de fevereiro

Programação: palestras, rodada de conversas, desfiles e oficinas. Todas as atividades estarão no canal do YouTube, com transmissões ao vivo e disponibilização de materiais gravados para que as pessoas possam acessar a qualquer momento todo o conteúdo.

Programação completa: www.mulheresantenadasdf.com.br

Transmissão:https://www.youtube.com/channel/UCFdCmKZ52d_ZEpKlKr6w-Zg

Instagram: @mulheresantenadas.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Atualizações Recentes

De forma divertida, filhos comandam as redes sociais de Nanah durante a gravação do reality Ilha Record

A cantora, que também é influencer e empresária, deixou os filhos tomarem conta do seu Instagram durante o confinamento Desde que se popularizaram os reality

Vinhedo Girassol promove visitação com degustação na plantação de uvas Syrah no cerrado

Clima e solo propícios para a plantação de uvas, somados ao sistema de Dupla poda, que conduz as uvas  para o amadurecimento no período seco

Kamaizar Lidera em App Palco MP3 como um dos mais baixado em MG

De origem humilde e da cidade de Curvelo no interior do estado de Minas Gerais, localizada há cerca de 168 km de Belo Horizonte, nasceu

“Mundo Diferente”: mesmo escrita antes da Pandemia, música tem letra que retrata momento atual

Uma música que começou a ser escrita há alguns anos e finalizada uma semana antes da Pandemia Mundial do Coronavírus, tem muito a ver com

%d blogueiros gostam disto: