Especialista dá dicas de preparação para o concurso de Policial Penal do DF

concurso de Policial Penal do DF

Especialista dá dicas de preparação para o concurso de Policial Penal do DF

A informação de que o edital do Concurso para Polícia Penal DF será publicado até novembro deste ano foi dada pelo deputado distrital, Reginaldo Sardinha, após reunião com o secretário de Economia do Distrito Federal, André Clemente.

Ao que tudo indica, o certame terá cinco fases e deve contemplar 1179 vagas, sendo 449 imediatas e 779 de formação de cadastro de reserva. As nomeações das 449 vagas devem ocorrer em junho de 2022.

A especialista do IMP Concursos, Suzele Veloso, advogada, pós-graduada em Direito Público, mestranda em Direito e professora para concursos públicos há mais de 14 anos, vai dar dicas preciosas para quem está se preparando e já está estudando antes mesmo da publicação do edital.

No último concurso a banca foi a Fundação Universa, você acha que manterão a mesma banca?

Não. O TJDFT determinou a extinção da Fundação Universa em outubro de 2020 em razão de graves problemas enfrentados pela Instituição. Dessa forma, não existe mais a possibilidade de que o novo concurso seja realizado por essa banca. Aguardamos a escolha de uma nova banca para o concurso.

E quanto ao padrão da prova, você acredita que será semelhante a prova de 2014 com itens de Certo e Errado?

É provável que sim, pois há uma grande possibilidade da prova ser organizada pelo CEBRASPE, banca que adota o critério Certo ou Errado para correção de questões. O CEBRASPE tem sido a banca escolhida nos mais importantes concursos na área de segurança no país, tais como a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Civil do DF, Departamento Penitenciário Federal. Assim, é possível que seja escolhida para a organização deste concurso.

Quais as principais matérias devem ser cobradas no próximo no concurso da Polícia Penal DF ?

Sobretudo, o estudo para as provas desta área deve incluir os seguintes conteúdos:

Direitos humanos;

Direito penal, direito processual penal e legislações extravagantes;

Direito administrativo;

Direito constitucional

Língua portuguesa

Além dos conteúdos que por lei são obrigatórios nos concursos públicos do DF: LODF, LC 840 e RIDE.

Quais seriam as suas dicas gerais para quem está de olho no certame começar a se preparar antes do edital?

Primeiramente, um bom planejamento de estudos aliando teoria, exercícios, revisões e simulados ainda é a fórmula mais bem sucedida para quem almeja a aprovação. Do mesmo modo, ao organizar as matérias de modo que o candidato consiga estudar a teoria, praticar em exercícios, revisar

através de resumos, mapas, e testar o nível de conhecimento através dos simulados garantirá uma preparação completa. Para tanto, é necessário organizar um local apropriado para o estudo e estabelecer (e cumprir) uma carga horária diária de estudos dentro das condições do candidato.

Vale a pena se basear no edital anterior para estudar para o Concurso da Polícia Penal DF?

Sim, porém como o edital anterior já tem mais de 5 anos, e não será a mesma banca que realizará o concurso, é importante se atentar para os conteúdos de editais na área de execução penal mais recentes, como por exemplo, o edital do DEPEN.

Quais matérias estudar antes do edital?

A princípio, as matérias que são obrigatórias em concursos do DF, tais como:: LODF, LC 840/11 e RIDE. E também, aquelas cujo peso são maiores nas notas, tais como direitos humanos, direito penal, processo penal e legislações correlatas.

Quais os principais erros que os candidatos cometem ao estudar antes da publicação do edital?

Sobretudo, não se conscientizar de que o nível e a quantidade de estudo antes do edital são tão importantes quanto a quantidade e o nível de estudos após a publicação do edital. Muitas vezes, por não ter sido publicado o edital, o candidato negligencia o estudo, não se dedica o suficiente para, quando publicar o edital, ele tenha tempo de fazer os ajustes e se for caso, as revisões referentes aos conteúdos que já estudou antes. Não se trata de exagero e sacrifício antes da publicação do edital, mas da seriedade em entender que estudar sem a pressão de um edital publicado e prova com data marcada é bem melhor.

Agora uma dica de preparação para quem já está estudando para carreiras policiais há algum tempo?

Refazer o máximo de questões específicas para concursos da área de segurança pública. São provas diferenciadas, bem específicas e que cobram os conteúdos de forma muito aprofundada.

Vinkmag ad

Redação

Read Previous

Caesb participa da Campanha de Vacinação contra Covid-19 no DF

Leia a seguir

SPA Indoor Ravenna de setembro foca em projeto verão

outubro 27, 2021