EUA lançam segunda edição do programa Fundo de Inovação 100K para apoiar instituições de ensino no Brasil

Em parceria com os Parceiros das Américas e o SENAI, o programa busca conexão entre o ensino superior brasileiro com instituições de ensino, institutos de inovação e empresas norte-americanas

Brasília, 14 de outubro de 2021: A Embaixada e Consulados dos Estados Unidos no Brasil e o Departamento de Estado, em parceria com os Parceiros das Américas e o SENAI, realizaram, no dia 14 de outubro, o evento de lançamento da segunda competição exclusiva para o Brasil da iniciativa 100,00 Strong in the Americas Innovation Fund (Fundo de Inovação 100k). Esta iniciativa busca estimular a colaboração entre instituições de ensino superior brasileiras e americanas..

Em 2021, a competição oferecerá até seis (6) concessões para estimular e apoiar novas parcerias no ensino superior nos Estados Unidos e Brasil, com ênfase especial nos institutos SENAI em todo o Brasil. As equipes de instituições de ensino superior nos EUA e no Brasil são convidadas a criar programas de intercâmbio e desenvolvimento de força-de-trabalho inovadores em diversas áreas temáticas, o que resultará em novas oportunidades para alunos em suas instituições de origem e nas instituições anfitriãs nos dois países.

O evento de lançamento do programa aconteceu de forma virtual e contou com a presença do encarregado de Negócios da Embaixada e Consulados dos EUA, Douglas Koneff, do diretor-geral do SENAI, Rafael Lucchesi, e representantes de duas instituições premiadas em competições anteriores – Universidade do Estado da Califórnia – Fullerton e da Universidade Estadual Paulista (UNESP). Segundo Koneff, o programa “é um de nossos principais programas de apoio a parcerias em Educação Superior no hemisfério ocidental e – estamos comprometidos em fortalecer ainda mais as conexões entre universidades, institutos de inovação e outras instituições de ensino superior, profissional e tecnológico”. Ele acrescentou que, este ano, mais instituições estão elegíveis para competir, ampliando as oportunidades de propostas de mais equipes do SENAI.

“O financiamento combinado do SENAI e do Departamento de Estado permitirá que equipes de instituições e estudantes brasileiros e norte-americanos busquem soluções de problemas do mundo real em um ambiente colaborativo e multicultural. Estamos felizes em encontrar parceiros com uma visão compartilhada no Departamento de Estado , Embaixada dos EUA no Brasil e Parceiros das Américas. Espero ver essas equipes colaborando em soluções inovadoras que aproximem o Brasil e os EUA”, finalizou Lucchesi.

As áreas temáticas nessa nova competição pelo Fundo de Inovação do 100K entre Brasil-EUA incluem: Soluções climáticas e ambientais; Ciências da saúde e Saúde pública; Inteligência Artificial; Internet das Coisas; Computação em nuvem; Tecnologia na Educação (Educação a Distância/Virtual); agricultura e ciência dos alimentos; água, saneamento e higiene (WASH); biotecnologia; ciência, tecnologia, engenharia e matemática (STEM), entre outras.

Equipes de instituições de ensino superior nos EUA e no Brasil podem enviar para propostas para a concessão do 100K até a data limite de 15 de fevereiro de 2022.

Para mais informações sobre a competição e a lista de equipes de instituições premiadas em competições anteriores acesse: https://www.100kstrongamericas.org

Vinkmag ad

Redação

Read Previous

Arquitetura sustentável melhora qualidade de vida residencial em Brasília

Leia a seguir

Competição Beach Tennis no Manakai Sport e Lifestyle

dezembro 3, 2021