Luísa e os Alquimistas e Potyguara Bardo se unem em versão piseiro do hit “Cadernin”

Faixa, originalmente lançada no álbum “Jaguatirica Print”, é repaginada e ganha um clipe

Duas potências do novo cenário musical do Rio Grande no Norte, Luísa e os Alquimistas e Potyguara Bardo se reúnem em “Cadernin (Piseiro)”. A canção presente no último álbum de estúdio da banda, “Jaguatirica Print” (2019), ganha novas cores em uma reinterpretação com a participação da drag queen e um clipe que explicita suas raízes ao mesmo tempo pop e do sertão nordestino.

Ouça “Cadernin (Piseiro)”: https://sl.onerpm.com/caderninversaopiseiro

Assista ao clipe: https://youtu.be/lvEfizp4TbE

Vertente do forró que se tornou uma verdadeira sensação nacional em 2020, o piseiro guia essa nova versão da música. Ela foi regravada com linhas harmônicas de sanfona, novas camadas de voz, baixos, guitarras e a participação de Potyguara Bardo, retomando uma parceria já recorrente: Luísa Nascim participou do elogiado primeiro disco de Potyguara (“Simulacre”, 2018) na música “Plene”, e em 2019 lançaram a versão do hino do forró romântico dos anos anos 2000, “Planeta de Cores”, da banda Forrozão Tropykalia. Agora eles se unem em um novo feat solar e dançante pra fechar um ano particularmente difícil para muitos. “Cadernin (Piseiro)” vem como um respiro amoroso que partiu de um encontro de artistas que se admiram e trazem cor e sabor para a música pop e regional brasileira.

Luísa e os Alquimistas e Potyguara Bardo se unem em versão piseiro do hit “Cadernin”

O clipe foi gravado no bairro da Copab, em Parnamirim, grande Natal, durante um encontro de imersão artística de Luísa e os Alquimistas na capital potiguar. As duas locações escolhidas trazem um clima interiorano, sertanejo, desértico, inóspito, e ao mesmo tempo remetem às festas de forró que acontecem nas cidades do interior do Nordeste. Inspirada nos vídeos caseiros do Fundo de Quintal OFC, a banda toca propositalmente com os instrumentos desplugados, batendo o pé no chão, pisando e levantando poeira. Tal estética somada aos looks futuristas criados por Isaac Luna, da Bicha Extra Terrestre, completam esse visual.

A atual formação da banda Luísa e os Alquimistas une os músicos que acompanhavam Luísa em São Paulo e os que fundaram o projeto com ela em Natal. Esse clipe foi gravado durante um período de imersão e encontro do grupo inteiro, que por causa da pandemia teve mudanças nas suas dinâmicas e residências. Atualmente a banda está com integrantes em Natal, João Pessoa e São Paulo. “De certa forma esse clipe marca e consolida essa formação do grupo”, sintetiza Luísa.

A banda traz ainda na discografia o álbum de estreia “Cobra Coral” (2016), levando o projeto a palcos pelo nordeste; e o segundo álbum, “Vekanandra” (2017), pelos selos Rizomarte e PWR Records. Em 2018, Luísa Nascim mudou-se para São Paulo e desenvolveu o trabalho da banda entre nordeste e sudeste, contando com o ingresso de novos alquimistas. Em 2019 Luísa e os Alquimistas lança seu terceiro disco, “Jaguatirica Print”, gravado nos estúdios da Red Bull (SP), com o patrocínio do edital Natura Musical 2018 e em parceria com a distribuidora OneRPM.

Esse histórico se intercala com a ascensão de Potyguara Bardo no cenário nacional. Seu primeiro álbum, “Simulacre”, atesta sua versatilidade, que reúne influências de house music, reggae e lambada em uma roupagem pop. A drag queen é personagem do também ator e compositor José Aquilino.

Essas trajetórias confluem mais uma vez em “Cadernin (Piseiro)”, evidenciando as raízes dos artistas com um irresistível tempero pop. A faixa está disponível nas principais plataformas de streaming, e o clipe, no canal de YouTube de Luísa e os Alquimistas.

Luísa e os Alquimistas e Potyguara Bardo se unem em versão piseiro do hit “Cadernin”

Ouça “Cadernin (Piseiro)”: https://sl.onerpm.com/caderninversaopiseiro

Assista ao clipe: https://youtu.be/lvEfizp4TbE

Ficha técnica

SINGLE

Autoria: Luísa Nascim e Pedras

Vozes: Luísa Nascim e Potyguara Bardo

Sanfona e Beats: Pedro Regada

Guitarras: Tal Pessoa e Tupy Suavy

Baixo: Pedras

Mixagem: Gabriel Souto

Capa Single: Marina Mole e Ian Rassari

Apoio: Pólen Aceleradora Musical

Distribuição: ONErpm Brasil

Produção executiva: Luísa Nascim

Assessoria de Comunicação: Build Up Media

CLIPE

Direç̧ã̃o e montagem:

Larinha R. Dantas (Larinha | Filmes e Making Of)

Concepção e direção artística:Luísa Nascim

Roteiro: Larinha R. Dantas, Luísa Nascim e Marina Mole

Direção de fotografia: Larinha R. Dantas e Marina Mole

Assistência de direção: Alice Carvalho e Tobias Nevesilva

Imagens: Larinha R. Dantas e Marina Mole

Computação gráfica e finalização: Gabriel Souto

Identidade Visual: Marina Mole (Mole Enterprise)

Direção de Arte: Isaac Luna, Luísa Nascim, Gabriel Souto e Larinha R. Dantas

Still e making of: Ian Rassari

Figurino: Bicha Extraterrestre (Isaac Luna)

Beleza: Iguia Telita

Produção executiva: Luísa Nascim e Luci Braga (BaseBCultura&Entretenimento)

Assessoria de comunicação: Build Up Media

Apoio: Pólen Aceleradora – Ação Camomila

Festival Camomila

Letra

(Luísa Nascim)

Anotei num cadernin

o teu nome e um coração

na hora da saudade

eu fiz esse batidão

nesse mesmo cadernin

não tem só teu nome não

mas só tu vira hit, baby

sexy lovesong

no meio do peito

pulsa um kick

vem desse jeito

mais uma track

na voz melosa

boto um efeito

bem bregawave

Britney perde

pro teu endereço você sabe que eu regresso

e no mês que vem ‘cê’ vem me visitar no sul

desde o começo a gente sabe que é sucesso

que te vuelve loco cada un de mis tatoos

cola aqui nas área

que eu boto aquele body de oncinha

busco na rodoviária

durmo de conchinha

que corpo quente

nem se sente

o frio do inverno

to contando os dias

pra te ter por perto

anotei num cadernim

o teu nome e um coração

na hora da saudade

eu fiz esse batidão

nesse mesmo cadernim

não tem só teu nome não

mas só tu vira hit, baby

sexy lovesong

Artigo anteriorFestival do Japão Brasília 2020 será virtual e acontecerá nos dias 5 e 6 de dezembro
Próximo artigoCasa Julieta de Serpa lança brindes de Natal
Avatar
A jornalista Isabel Almeida, trabalha atualmente na Embrapa, é editora do site bsbflash, youtuber do canal Flash Brasília e escreve em diversos sites como: colunista do jornal Alô Brasília. Natural de Brasília, já trabalhou em diversos órgãos do DF, como na Secretaria de Educação; na Administração Regional do Gama; na Secretaria de Saúde, na Câmara Distrital, e também em GO, na prefeitura de Valparaíso, na gestão de José Valdécio . Atuou também no Conselho Federal de Engenharia e Agronomia- Confea, foi editora da revista Fala Prefeito; e colunista da revista AC/DF e colunista do site AIB News do Rio de Janeiro. Desde 2010 é vice-presidente da Câmara de Comércio Brasil e Portugal,e em 2016, foi nomeada presidente do Conselho comunitário do Octogonal e Sudoeste.