Saturnino Braga participará de ato em defesa do Teatro Casa Grande. Presidente do Centro Celso Furtado e do Instituto Casa Grande, o ex-senador Roberto Saturnino Braga, 88, confirmou presença no ato em defesa do Teatro Casa Grande, que teve , no final do ano passado, a cessão (do terreno) ameaçada pelo governo do estado.
A manifestação de solidariedade ao Teatro Casa Grande será dia 9 de março,  a partir das 18hs. É organizada  pelo Movimento dos Artistas de Teatro do Rio. Há 54 anos no Leblon ( Avenida Afrânio de Melo Franco), o Teatro Casa Grande ganhou o apoio , também, de intelectuais,  jornalistas e empresários do setor cultural.
Autor de Meu Querido Brasil, lançado em dezembro no Rio de Janeiro,  Saturnino vai autografar o livro em Belo Horizonte,  na segunda quinzena de março, pela Alameda Editorial. Aluno de Celso Furtado na Cepal- Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe,  do Conselho Econômico e Social das Nações Unidas- , Saturnino Braga prepara palestras em homenagem ao centenário do  ex-ministro do Planejamento  ( Governo de João Goulart ) e da Cultura ( governo José Sarney) . ” O Brasil sente falta de gênios como Celso Furtado”- disse o ex-senador.
Saturnino está triste com os rumos do país,  mas acha que todos devem pensar com otimismo no futuro. Ele lamentou recentes declarações do ministro Paulo Guedes,  sobre os funcionários públicos e as empregadas domésticas.” Falta ao ministro Paulo Guedes , além de ideologia , profundos conhecimentos de Direitos Humanos “- concluiu.
Artigo anteriorFábio Jr. volta a Brasília com o show 40 anos de carreria
Próximo artigoEmbaixada da Índia recebe imprensa para almoço de confraternização
Avatar
A jornalista Isabel Almeida, trabalha atualmente na Embrapa, é editora do site bsbflash, youtuber do canal Flash Brasília e escreve em diversos sites como: colunista do jornal Alô Brasília. Natural de Brasília, já trabalhou em diversos órgãos do DF, como na Secretaria de Educação; na Administração Regional do Gama; na Secretaria de Saúde, na Câmara Distrital, e também em GO, na prefeitura de Valparaíso, na gestão de José Valdécio . Atuou também no Conselho Federal de Engenharia e Agronomia- Confea, foi editora da revista Fala Prefeito; e colunista da revista AC/DF e colunista do site AIB News do Rio de Janeiro. Desde 2010 é vice-presidente da Câmara de Comércio Brasil e Portugal,e em 2016, foi nomeada presidente do Conselho comunitário do Octogonal e Sudoeste.