Com o uso obrigatório de máscaras, o olhar está cada vez mais valorizado

Em tempos de pandemia e uso obrigatório de máscaras, os olhos viraram protagonistas do rosto.  Mantê-los saudáveis, jovens e bonitos passou a ser uma preocupação ainda maior para muitas pessoas, que procuram profissionais de saúde para cirurgias de pálpebra ou tratamentos na região.

Um dos tratamentos não invasivos mais procurados no momento é o PLASMAGE, tecnologia de plasma fracionado usada para tratar rugas, flacidez e fibromas na região ao redor dos olhos.

“É um procedimento rápido, sem a necessidade de realizar cirurgias e com menos tempo de inatividade para o paciente”, conta a oftalmologista Patrícia Rocha, que utiliza o equipamento há pouco menos de um ano. “A tecnologia é capaz de tratar rugas finas e flacidez de pálpebras em pacientes que ainda não possuem indicação cirúrgica, ou mesmo para os que possuem essa indicação, mas não querem ou não podem operar por um motivo ou outro”, diz.

Além de ser utilizado em tratamentos de flacidez nas pálpebras e rugas finas, a Dra. também o utiliza em outros procedimentos. “A principal indicação seria para tratamento de flacidez de pálpebras, e rugas finas. Mas, eu também faço bastante em região de supercílios, para corrigir assimetrias, e também para obter o efeito Fox Eyes tão desejado do momento.”.

De acordo com Patrícia, o PLASMAGE também tem se mostrado muito eficaz para a retirada de Siringomas e Xantelasma.  “Outra vantagem é que tem um custo menor em relação a cirurgias convencionais como a Blefaroplastia”, aponta.

Para o dermatologista Jardis Volpe, a grande vantagem do tratamento é a rápida recuperação dos pacientes. “Para tratamento da área dos olhos como flacidez e rugas finas tenho tido resultados muito satisfatórios”, diz o médico, destacando que o procedimento não é indicado para casos com muito excesso de pele ou bolsas.

Por saber que não há nenhum tratamento que pudesse entregar o mesmo resultado, Jardis investiu no Plasmage como uma forma de proporcionar um tratamento não cirúrgico e, principalmente, com pouco tempo de recuperação. Ele ainda destaca o procedimento que mais utiliza “Funciona bem até em quem quer prevenir a flacidez em pessoas com flacidez leve”, diz.

SERVIÇO

 
Dr. Jardis Volpe  
Diretor técnico – CRM 116049
Médico Dermatologista
RQE 33348
Localização

Rua Bento de Andrade, 431 – Jardim Paulista, São Paulo – SP
CEP 04.503-011
Tel.: (11) 3889-9582 / PABX (11) 3050-1530

 
Dra Patrícia Moura Rocha – Plástica Ocular
CRM 17261
Médica Oftalmologista
 
Localização
Rua 5 Norte, Águas Claras – DF, Sala 401, 402 e 404.
Ed. Albany Medical Center

Águas Claras, Brasília – DF, 71907-720

Tel.: (61) 99874-2868/  (61) 3964-7816

Artigo anteriorCapital Federal recebe novas operações do Hospital Total Health
Próximo artigoO reino da Rosa negra: onde a obsessão pelo poder e a ganância se cruzam
Avatar
A jornalista Isabel Almeida, trabalha atualmente na Embrapa, é editora do site bsbflash, youtuber do canal Flash Brasília e escreve em diversos sites como: colunista do jornal Alô Brasília. Natural de Brasília, já trabalhou em diversos órgãos do DF, como na Secretaria de Educação; na Administração Regional do Gama; na Secretaria de Saúde, na Câmara Distrital, e também em GO, na prefeitura de Valparaíso, na gestão de José Valdécio . Atuou também no Conselho Federal de Engenharia e Agronomia- Confea, foi editora da revista Fala Prefeito; e colunista da revista AC/DF e colunista do site AIB News do Rio de Janeiro. Desde 2010 é vice-presidente da Câmara de Comércio Brasil e Portugal,e em 2016, foi nomeada presidente do Conselho comunitário do Octogonal e Sudoeste.