Declaração da porta-voz da NSC, Emily Horne, sobre a viagem oficial da administração sênior ao Brasil e à Argentina

Esta semana, o conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Jake Sullivan, viajará para o Brasil e Argentina, acompanhado pelo diretor sênior do Conselho de Segurança Nacional para o Hemisfério Ocidental, Juan Gonzalez, pelo diretor sênior de tecnologia e segurança nacional, Tarun Chhabra, pelo diretor sênior da Cyber, Amit Mital, e pelo funcionário sênior do Departamento de Estado para o Hemisfério Ocidental, Ricardo Zúniga.

Em sua primeira viagem à região, o Sr. Sullivan se reunirá com líderes dos principais aliados não-OTAN nas Américas. Enquanto estiver no Brasil, a delegação se reunirá com líderes para discutir oportunidades para fortalecer a parceria estratégica Brasil-EUA, melhorar a estabilidade regional, avançar os objetivos climáticos, colaborar com a infraestrutura digital e ajudar a traçar um caminho de recuperação da pandemia da Covid-19.

Na Argentina, eles discutirão oslaços estratégicos sobre prioridades bilaterais e regionais, incluindo a recuperação pandêmica, a cúpula climática regional, o crescimento econômico compartilhado e a segurança em nosso hemisfério e em todo o mundo.

Biografia: Jake Sullivan  
Jake Sullivan é o 28º assistente do Presidente para Assuntos de Segurança Nacional (conselheiro de Segurança Nacional). Na administração Obama-Biden, atuou como assistente adjunto do presidente e conselheiro de segurança nacional do então vice-presidente Biden, diretor da equipe de planejamento de políticas do Departamento de Estado dos Estados Unidos e vice-chefe de gabinete da secretária de Estado Hillary Clinton. Durante seu tempo no governo, Sullivan foi um negociador-chefe nas negociações iniciais que abriram caminho para o acordo nuclear iraniano e desempenhou um papel fundamental nas negociações intermediadas pelos EUA que levaram a um cessar-fogo em Gaza em 2012. Ele também ajudou a moldar a estratégia de reequilíbrio Ásia-Pacífico tanto no Departamento de Estado quanto na Casa Branca.
Nos anos seguintes, Sullivan foi membro sênior do Carnegie Endowment for International Peace, onde ajudou a conceber e projetar um projeto de cooperação bipartidária sobre uma política externa para a classe média. Ele também ocupou cargos de professor na Yale Law School, Dartmouth College e na Universidade de New Hampshire. Ele co-fundou e co-presidiu o conselho consultivo da National Security Action, uma organização sem fins lucrativos de defesa da segurança nacional, e atuou nos conselhos consultivos de várias organizações envolvidas em política externa e segurança nacional. Sullivan foi conselheiro político sênior na campanha presidencial de Joe Biden em 2020.
Ele é bacharel em ciência política e estudos internacionais pela Universidade de Yale; possui um M.Phil em Relações Internacionais de Oxford, onde foi Rhodes Scholar; e um J.D. da Faculdade de Direito de Yale. Ele trabalhou para o juiz Stephen Breyer da Suprema Corte dos Estados Unidos e o juiz Guido Calabresi do Tribunal de Apelações dos EUA para o Segundo Circuito. Ele é o segundo de cinco filhos, cresceu em Minneapolis, Minnesota e é símbolo de orgulho das escolas públicas de Minneapolis. Ele e sua esposa, Maggie Goodlander, têm uma casa permanente em Portsmouth, New Hampshire.

Vinkmag ad

Redação

Read Previous

Sistemas de Votação

Leia a seguir

Visita à OAB de Niterói

setembro 24, 2021