Dicas de português para a prova da OAB
Concurso

Dicas de português para a prova da OAB

Quem está se preparando para o Exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) sabe que a disciplina de Português é importante para a aprovação. No Exame de Ordem, mais especificamente, na segunda fase, é cobrado do profissional do direito, a habilidade de escrita elevada e com qualidade. A exigência da prova escrita condiz com a cobrança da prova prático profissional.

Com as provas da segunda fase da OAB marcadas para o dia 24/4, o professor de português Wanderson Melo vai dar algumas dicas para quem vai fazer a redação da peça processual e as quatro questões dissertativas do certame.

De acordo com o professor, o Português é a matéria mais importante para a segunda fase do exame da OAB. Nos estudos, é preciso que o candidato perceba a importância de fazer um planejamento do texto. É imprescindível que ele tenha, antes de fazer o texto definitivo, um esboço das ideias que serão apresentadas. Sem esse esboço, o candidato ficará perdido e não conseguirá apresentar todos os pontos fundamentais da peça.

“Na fase discursiva, em que o candidato terá de elaborar um texto com até 150 linhas, é imprescindível pensar em objetividade, clareza, precisão e aspectos gramaticais (como concordância verbal, crase, pronomes relativos, etc.) que podem favorecer as ideias defendidas”, explica o especialista.

Confira mais dicas do professor Wanderson Melo:

Em quais pontos da disciplina o candidato deve focar nesta reta final de preparação?

Além dos itens apresentados, é bom que o candidato saiba fazer grafia de legislação (É incorreto “art. 319, do CPC”; o correto é “art. 319 do CPC”).

Alguma técnica que possa otimizar as revisões? 

É preciso estudar algumas expressões que são inadequadas no texto jurídico (como “a teor de”, “em face de”, “ajuizar recurso”, etc.). Em seguida, é salutar que o candidato faça muitos textos e consiga esgotar as possibilidades de exigência para a fase discursiva.

Dicas para o candidato na hora de fazer a prova

Na hora da prova, o candidato deve analisar a situação-problema com atenção para elencar os itens que deverá abordar na peça. Em seguida, é interessante que faça o esquema do texto.

A jornalista Isabel Almeida, trabalha atualmente na Embrapa, é editora do site bsbflash, youtuber do canal Flash Brasília e colunista do jornal Alô Brasília. Natural de Brasília, já trabalhou em diversos órgãos do DF, como na Secretaria de Educação; na Administração Regional do Gama; na Secretaria de Saúde, na Câmara Distrital, e também em GO, na prefeitura de Valparaíso, na gestão de José Valdécio. Atuou também no Conselho Federal de Engenharia e Agronomia- Confea, foi editora da revista Fala Prefeito; e colunista da revista AC/DF e colunista do site AIB News do Rio de Janeiro. Desde 2010 é vice-presidente da Câmara de Comércio Brasil e Portugal, e em 2016, foi nomeada presidente do Conselho comunitário do Octogonal e Sudoeste.