Sucesso nos anos 2000, A Cera, da banda O Surto, volta à cena em trilha sonora de dois filmes nacionais

Os filmes, “A menina que matou os pais” e “O menino que matou meus pais”, estreiam dia 24 de Setembro pela plataforma Amazon Prime Vídeo e serão exibidos em mais de 240 países. Os longas contam a história real do assassinato do casal Richthofen. Suzane Von Richthofen e Daniel Cravinhos, planejaram e executaram o assassinato dos pais da jovem, um crime que chocou o país e repercutiu no mundo. Há dois anos, a banda O Surto foi procurada pela produção do filme para a liberação da música para a trilha sonora, a liberação foi dada, mas o lançamento dos filmes nos cinemas, precisou ser adiado devido a pandemia.

Segundo o baixista da banda, Franklin Medeiros, a música “A Cera” estava no auge de seu sucesso na época que ocorreu o crime e por isso o convite.

A banda “O Surto” que está em estúdio terminando seu novo EP, também está com retorno marcado.

O vocalista da banda, Reges Bolo conta que um dos singles é em parceria com o cantor e compositor Kiko Zambianchi.  Já o guitarrista e produtor, Sérgio Almada, explica  que esse é um EP que marcará um retorno aguardado por muitos fãs, e já estão planejando também o retorno aos palcos, que também virá com novidades, uma versão acústica dos 20 anos da banda.

O retorno da banda e o lançamento do EP está marcado para Novembro e os fãs podem acompanhar esse retorno através do Instagram da banda @osurtooficial .

Vinkmag ad

Luiz Claudio

Luiz Claudio de Almeida, carioca, jornalista, tricolor, apaixonado por carnaval. Foi subeditor da Coluna Anna Ramalho no Jornal do Brasil e atua repórter do Portal Annaramalho. Assessor de imprensa com experiência de mais de 20 anos nas áreas de cultural, entretenimento, turismo, negócios e gastronomia.

Read Previous

Roberta Spindel lança, no próximo dia 3, “Perdida Em Alto Mar”

Leia a seguir

A paridade de gênero

setembro 24, 2021