Bsb Flash

Arte e movimento na Educação Infantil: conheça os benefícios para o desenvolvimento das crianças

Arte e movimento na Educação Infantil: conheça os benefícios para o desenvolvimento das crianças

O tema foi abordado pelo doutor Lino de Macedo durante o primeiro dia da VI Semana Rede Pedagógica; inscrições seguem abertas para o evento

Correr, saltar, pular e dançar são movimentos fundamentais para as crianças porque, além de estimular o aprendizado, promovem o desenvolvimento de habilidades e competências importantes para a educação infantil. Por isso, proporcionar o contato com essa manifestação ainda na primeira infância é algo fundamental. Afinal, os primeiros 6 anos de vida são essenciais para a formação da criança e isso está diretamente ligado ao seu desenvolvimento, o que inclui o aperfeiçoamento da linguagem, da capacidade de interpretação e até mesmo da maneira de lidar com as emoções.

Para Lino de Macedo, uma das maiores referências do Brasil em processos de aprendizagem e desenvolvimento na Educação Infantil, investir nas crianças é o melhor que uma sociedade pode fazer. Para ele, é importante dedicar-nos ao desenvolvimento das capacidades físicas, cognitivas, emocionais e sociais durante a primeira infância.

“Quanto mais nova a criança, mais importante é o seu desenvolvimento, porque em pouco tempo ela se desenvolve muito. Por isso, ela precisa de estímulos auditivos e visuais para desenvolver o cérebro e o corpo”, diz. “A arte e o movimento proporcionam ótimas experiências para as crianças pequenas, assegurando-lhes seus processos de amadurecimento e aprendizagem. Isso trará benefícios para todos nós”, reforça.

Segundo o especialista, que também é doutor e livre docente em Psicologia pela Universidade de São Paulo (USP), é de fundamental importância que os educadores tenham um amplo repertório didático para esta fase, mas para isso é preciso ter recursos pedagógicos disponíveis para estimular e propor atividades. “Cada vez mais os professores e as escolas estão buscando qualificação para adotar metodologias que aperfeiçoem a aprendizagem, mas, infelizmente, isso ainda não é possível em todas as escolas brasileiras”, afirma.

Sabe-se que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) reconheceu a Educação Infantil como etapa essencial para o desenvolvimento das crianças, estabelecendo seis direitos de aprendizagem para bebês e crianças de 0 a 5 anos: conviver, brincar, participar, explorar, expressar e conhecer-se.

De acordo com Macedo, para contemplá-los, o educador precisa tê-los como base no processo de construção das metodologias que serão adotadas com os alunos. “O manejo pedagógico do professor é diferente nos três momentos da educação infantil. Por esse motivo, o professor precisa pensar a educação infantil considerando as especificidades de cada fase porque a forma de trabalhar arte e movimento também será muito diferente e necessitará de manejos pedagógicos direcionados”, pontua.

Macedo ressalta ainda a importância da intencionalidade no processo pedagógico, ou seja, da adoção de ações e atividades de forma direcionada para o alcance dos objetivos que são essenciais para o processo ensino-aprendizagem. “O professor precisa ser um bom observador das crianças e ter uma intencionalidade pedagógica para saber o que ele deseja alcançar. Ele precisa estar atento a todas as necessidades delas e adotar meios que promovam o objetivo maior, previsto no processo de escolarização”, reforça.

Arte e movimento na Educação Infantil: conheça os benefícios para o desenvolvimento das crianças

A seguir, separamos 10 dicas abordadas pelo especialista no evento sobre como tratar o estresse excessivo em crianças. Confira!

  1. Observe o efeito das mudanças na vida das crianças;

  2. Não a envolva em atividades extracurriculares em excesso;

  3. Não a poupe demais, porém não a sobrecarregue de responsabilidades;

  4. Tente evitar que ela presencie as brigas dos pais e, se for necessário que eles se separem, a criança deve ser resguardada de envolvimento excessivo e de uma situação de acusações recíprocas;

  5. Escolha a escola e ouça, com atenção, as queixas que a criança fizer. Elas podem ser verdadeiras;

  6. Não coloque o medo de Deus na criança; isso é causa de muitos problemas emocionais;

  7. Observe o método de disciplina que está usando. Evite as incongruências, as irritabilidades e as confusões. Torne os limites claros para as crianças;

  8. Lide com a morte, doença, hospitalização e nascimento de um irmão da forma mais tranquila e adequada possível;

  9. Ensine a criança a lidar com o estresse, o medo e a ansiedade;

  10.  Cuide de seu próprio estresse, pois pais estressados, em geral, criam filhos estressados.

Sobre a Semana Rede Pedagógica – A VI Semana Rede Pedagógica é um evento gratuito direcionado a educadores de todo o país. A formação acontece até o dia 30 de maio e todos os participantes receberão um certificado de 120 horas de atividades, emitido gratuitamente. O evento também terá a participação do criador do Mundo Bita, Chaps Melo; do ex-jogador de basquetebol, Oscar Schmidt; e do cartunista e “pai” da Turma da Mônica, Mauricio de Sousa. Inscrições e programação estão disponíveis em semanarede.com.br.

Serviço: VI Semana Rede Pedagógica

Quando: 22 a 30 de maio de 2021

Onde: Instagram @redepedagogica

Programação e inscrições: semanarede.com.br

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn
%d blogueiros gostam disto: